Forças Armadas norte-americanas participam no exercício anual REAL THAW

Press release badge PT

Militares norte-americanos participarão no REAL THAW 17, um grande exercício de forças conjuntas e combinadas, lideradas por Portugueses, que acontecerá de 5 a 17 de março em Beja, Portugal. O REAL THAW 17 desenvolverá e integrará tarefas realistas de interoperabilidade no ar e no solo entre as unidades multinacionais. Além Portugal e dos Estados Unidos, Bélgica, Dinamarca, França e Holanda também participarão no exercício.

As forças participantes irão executar missões de treino destinadas a fundir e usar diferentes plataformas em direção a um objetivo principal, cobrindo uma vasta gama de atividades, a incluir  treino ar/ar e ar/terra, operações táticas de transportes aéreos, e apoio aéreo próximo.

No dia 14 de março, vários visitantes ilustres, incluindo a Encarregada de Negócios da Embaixada Herro Mustafa, estarão presentes em Beja para participar do Dia de Exercício Aberto. Isto incluirá uma apresentação sobre REAL THAW 17 e uma demonstração de operações integradas e simuladas.

A Força Aérea Norte-americana participará no REAL THAW 17 com dois C-130J “Super Hercules” e aproximadamente 70 militares da 86ª Companhia de Asas de Transporte Aéreo,  da Base Aérea de Ramstein, na Alemanha. Durante o exercício, o 37º Esquadrão Aéreo irá focar-se em treino de transporte aéreo táctico, incluindo formação e desembarque de assaltos de baixo vôo e lançamentos aéreos de equipamentos e militares com paraquedistas do Exército Americano na Europa e das nações parceiras.

Outros participantes da unidade militar norte-americana incluem: pessoal de apoio paraquedista do 435º Grupo de Resposta de Contingência, 435º Asa de Operações Aéreas e Terrestres, da Base Aérea de Ramstein, na Alemanha; uma pequena equipe de apoio de lançamento aéreo do Exército dos Estados Unidos da América (USAREUR) a 5ª Companhia do Quartel General, 21º Batalhão de Tropas Especiais, 21º Comando de Sustentação de Teatro de Guerra (21 TSC), do Kaiserslautern, na Alemanha; e aproximadamente 170 paraquedistas da 173ª Equipe de Combate da Brigada Aerotransportada do Exército dos Estados Unidos da América, na Vicenza, Itália. Participam também dois MV-22s, um KC-130, e 60 fuzileiros norte-americanos da Força Especial dos Fuzileiros Aereterrestre – de Resposta a Crise – África (SPMAGTF-CR-AF) baseado na base aérea de Moron, em Espanha.

Os exercícios de treino multinacional, como este, reforçam as relações entre militares, aumentam a interoperabilidade da NATO, e demonstram o nosso compromisso com a segurança da Aliança.

Os órgãos de comunicação interessados em receber mais informação deverão contactar o Serviço de Imprensa da Embaixada dos EUA, pelo número 21 770 2439 ou por e-mail para MorenoMV@state.gov.